• pt-br

Definindo o Seu Aluno Ideal

Para seus alunos, o curso é uma jornada de aprendizado. Antes de criar um curso, é preciso, primeiro, saber onde seus alunos iniciarão e terminarão essa jornada. Por que um aluno faria um curso seu? De onde esses alunos vêm? Para onde desejam ir com o que aprenderam em seu curso? Após identificar os pontos de partida e chegada da jornada de seus alunos, será bem mais fácil descrever o caminho que liga esses dois pontos: o conteúdo real do curso!

Tenha o cuidado de rever estas respostas durante todo o processo de criação do curso.

Pergunta 1: que problema seu curso propõe-se a solucionar? Que problema o curso aborda?
Isso irá ajudá-lo a determinar o foco do curso, bem como garantir que ele solucione um problema legítimo e importante para os alunos.

Pense no seguinte…
Que problema o aluno solucionará se fizer seu curso?
Por que seu curso deve existir? Por que os alunos devem pagar pelo conteúdo do curso?
Que metas seus alunos traçaram para si mesmos ou para suas carreiras?
Que problemas ou ineficácias seus alunos enfrentam no trabalho ou na vida pessoal?
Que tipo de projetos ou tarefas os alunos esperam realizar após fazer seu curso?

Exemplos:

“O desenvolvimento de games é uma indústria em rápido crescimento, com uma alta demanda por desenvolvedores talentosos. Após aprender os fundamentos do Unreal Engine, você poderá criar seu primeiro jogo e lançá-lo no marketplace do Unreal Engine; assim, as pessoas começarão a se divertir com seus jogos.”

“Muitas pessoas têm uma ideia para um aplicativo, mas não sabem por onde começar. Ao aprender Swift, você poderá iniciar a criação de aplicativos para iPhone, lançá-los na loja de aplicativos e começar a ganhar dinheiro.”

Sua vez: por que fazer esse curso?
Uma a duas frases é o ideal.

______________________________________________________________

 

Pergunta 2: quem enfrenta o problema ou a dificuldade mencionados? Quem é seu aluno-alvo?
Isso irá ajudá-lo a elaborar o curso certo para as pessoas certas. Quanto mais específico, melhor!

Pense no seguinte…
Quem é afetado pelo problema acima?
Onde essas pessoas trabalham? Em que cargo? Em que nível estão em seu emprego?
Quais são suas necessidades pessoais de aprimoramento?

Exemplos:

“Este curso se destina a desenvolvedores intermediários interessados em trabalhar com ECMA6.”

“Para pessoas totalmente iniciantes em desenvolvimento web. Talvez você tenha experiência em Web design e queira desenvolver seu próprio site ou, quem sabe, você seja um blogueiro interessado em criar seu próprio espaço, em vez de usar um modelo. Talvez você seja formado em ciência da computação e deseja transformar a teoria em prática.”

*Erros comuns a serem evitados:
Quando o aluno-alvo for “qualquer pessoa”, é preciso pensar: o curso é realmente para qualquer pessoa? Ao criar um curso para todos, você acaba criando um curso para ninguém. Portanto, quanto mais específico, melhor!

Sua vez: quem é seu aluno-alvo?

______________________________________________________________

 

Pergunta 3: que metas seus alunos-alvo pretendem atingir fazendo esse curso?
Isso irá ajudá-lo a garantir que o curso seja útil para alunos com o problema acima.

Pense no seguinte…
O que poderá ajudar seus alunos a solucionar o problema acima?
O que seus alunos esperam conquistar no trabalho ou na vida?
Quais resultados os seus alunos esperam atingir fazendo este curso?

Exemplo:

“Meus alunos-alvo desejam desenvolver um aplicativo web que possam usar para começar a criar portfólios de trabalho a serem compartilhados com futuros funcionários.”

Sua vez: quais são as metas de seus alunos-alvo?

______________________________________________________________

 

Pergunta 4: que conhecimentos seus alunos-alvo já possuem antes de iniciar o curso?
Tente identificar o ponto de partida dos alunos. Isso irá ajudá-lo a compreender que conhecimento anterior seus alunos já tinham antes de fazer o curso. Dessa forma, você saberá o que não precisará abordar no curso.

Pense no seguinte…
Que especialização os alunos já têm?
Que tema ou conceito os alunos dominam mais?
O que você planeja não abordar no curso por já ser de conhecimento dos alunos?

Exemplos:

“Antes de desenvolver um aplicativo web da pilha MEAN, é preciso ter conhecimento operacional dos conceitos JavaScript intermediários (funções invocadas imediatamente, promessas, fechamentos), saber a diferença entre bancos de dados relacionais e não relacionais e conhecer bastante sobre arquitetura do lado do cliente e do lado do servidor.”

“Para ser bem-sucedido neste curso, você deve conhecer pelo menos uma linguagem de script e ter um editor de texto instalado.”

Sua vez: o que os alunos já devem saber antes de fazer esse curso?

______________________________________________________________

 

Pergunta 5: o que os alunos-alvo estarão aptos a fazer após concluir o curso?
Agora, esclareça o ponto de chegada de seus alunos. Isso irá auxiliá-lo a identificar as habilidades que você gostaria de ajudar os alunos a adquirir.

Pense no seguinte…
Que habilidades os alunos precisam aprender para atingir sua meta?
Que diferença haverá em seus alunos após a conclusão do curso?
O que eles serão capazes de desenvolver ou fazer ao final do curso?

Exemplos:

“Após fazer este curso, os alunos deverão estar aptos a projetar e desenvolver um aplicativo Android usando Java e XML.”

“Ao concluir a última aula, você deverá estar apto a projetar, desenvolver e implantar seu próprio aplicativo React Native no Google Play e/ou na App Store.”

Sua vez: o que os alunos serão capazes de fazer ao final do curso?

______________________________________________________________

 

Fase 2: definição de seus objetivos de aprendizado

Etapa 1: levando em consideração os pontos de partida e chegada de seus alunos (determinados acima), quais são as habilidades que eles precisam aprender entre esses dois pontos? Prepare uma lista das habilidades que você gostaria de ajudar seus alunos a adquirir.

Exemplo:
Ler código Java
Compilar UIs para Android usando XML
Criar fluxos de usuários para aplicativos móveis
Implementar recursos individuais, como visualizações de listas e navegação

Sua vez: que habilidades você quer ensinar?
Lembre-se: habilidades são verbos conjugáveis!

______________________________________________________________

 

Etapa 2: para cada uma das habilidades listadas acima, descreva os conceitos específicos que os alunos deverão aprender no curso.

Exemplo

Habilidade:
Ler código Java
Conhecimento necessário:
Reconhecer sintaxe Java
Reconhecer funções Java

Habilidade:
Depurar erros
Conhecimento necessário:
Usar ferramentas apropriadas para analisar erros
Encontrar padrões no código para identificar e corrigir erros

Sua vez: que conceitos os alunos deverão aprender com relação a cada uma das habilidades?

______________________________________________________________

 

Etapa 3: o que os alunos que concluírem o curso deverão fazer em seguida? Que recursos devem usar?
(Isso irá ajudá-lo a saber como concluir o curso)

Sua vez: curso concluído! O que os alunos poderão fazer em seguida?

______________________________________________________________

Got Something To Say:

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*

quatro + seis =