Checklist da CLP 2

Seu público de alunos pretendidos, os objetivos de aprendizado do curso, a descrição e as aulas

Agora que você tem a lista de palavras-chave e um bom título e subtítulo, é hora de se concentrar em outras seções importantes da sua CLP. As seguintes seções ajudam os alunos a decidir se seu curso é uma boa opção para eles. Essas são boas maneiras para usar as palavras-chave que você identificou. Objetivos de aprendizado Depois do título e do subtítulo, essa seção é a mais proeminente na sua CLP, visível para alunos em potencial sob o cabeçalho “O que você aprenderá”. Incorpore as palavras-chave nos objetivos de aprendizado do curso e aborde o seguinte:

  • Há de 4 a 6 objetivos claros e focados?
  • Os objetivos estão alinhados com o conteúdo do curso?
  • Esses objetivos de aprendizado descrevem ações que seus alunos poderão fazer após concluir o curso?
  • Cada objetivo começa com um verbo de ação?
  • Você incorporou as principais palavras-chave?
  • Os objetivos são realistas e alcançáveis dentro do curso?

Para fazer essas edições na CLP, no criador de cursos, encontre o campo em Planeje seu curso > Alunos pretendidos > O que os alunos aprenderão no seu curso?  Títulos da seção/aula Os títulos das seções e das aulas são exibidos na CLP, na seção Conteúdo do curso. Revise o texto na seção da grade curricular do curso para garantir que você esteja usando palavras-chave em todos os títulos de seções e aulas para otimizar ainda mais o conteúdo na CLP.

  1. Eles são específicos, concisos e resumem com precisão o que é lecionado no curso?
  2. Eles usam frases que fazem sentido fora do contexto do curso e se alinham à maneira como os alunos pesquisariam esse tema no Google (por exemplo, fases que começam com “como”)?

Para editar isso na CLP, acesse o criador de cursos e encontre esse campo em Crie seu conteúdo > Grade curricular A boa notícia é que, depois de fazer esse exercício para melhorar as palavras-chave e o conteúdo da página inicial do curso (CLP), isso deve ajudar a deixar seu curso mais visível e acessível por meio de pesquisa no marketplace da Udemy e em mecanismos externos de pesquisa, como o Google.   Requisitos Liste quaisquer habilidades necessárias, experiência, ferramentas ou equipamentos que os alunos precisam ter antes de fazer seu curso. Se não houver requisitos, use isso como uma oportunidade para reduzir os obstáculos para iniciantes. Descrição do curso A descrição do curso oferece uma ótima oportunidade para reforçar o assunto e o conteúdo do curso. Essa é sua chance de expressar o que você tem a oferecer e o que torna você e seu curso exclusivos. Demonstre toda sua paixão e personalidade. Aqui é um bom lugar para definir expectativas para a experiência de aprendizado que você oferece. Quando feito da maneira correta, isso ajuda a estabelecer confiança e mantém o leitor interessado. Fale diretamente com os alunos em potencial, usando uma linguagem pessoal. Essa informação é encontrada na seção Descrição da página inicial do curso.

  • A descrição começa com um chamariz que aborda as dificuldades/os objetivos/as pretensões dos alunos?
  • Ela é fácil de acompanhar e entender (por exemplo, informação importante primeiro, parágrafos bem estruturados e concisos)?
  • Ela descreve os recursos, as atividades, os projetos e os materiais incluídos no seu curso?
  • A descrição inclui informações relevantes sobre o porquê você é a pessoa certa para ensinar este curso?
  • Ela destaca claramente os principais benefícios de fazer seu curso? 
  • Ela demonstra como seu curso é diferente dos outros?
  • Ela define as expectativas em relação ao seu envolvimento (por exemplo, a frequência com que você responde perguntas, atualiza o curso)?
  • Ela explica o que os alunos poderão fazer durante e depois do curso? Você pode até mesmo incluir depoimentos de alunos para explicar.
  • A descrição inclui call-to-actions para assistir ao vídeo promocional, às aulas gratuitas e se inscrever no curso?
  • Por fim, as frases que você identificou durante a pesquisa de palavras-chave estão incorporadas organicamente na descrição? 

Use este guia para ajudar você a estruturar sua descrição:

  1. Comece identificando o aluno pretendido. Use “Se você é [tipo de aluno]”. Deixe as primeiras frases interessantes para chamar atenção dos alunos. É uma boa usar perguntas retóricas aqui. Aborde diretamente uma dificuldade ou um objetivo. 
  2. Um parágrafo curto com uma visão geral abrangente do curso e os benefícios exclusivos que ele traz aos alunos.
  3. “Neste curso, você vai” + tópicos sobre os principais valores que o curso oferece. Comece cada tópico com um verbo de ação (desenvolver, dominar). Evite verbos como aprender, saber, entender.
  4. Por que estudar sobre esse tema? O que o torna tão importante ou útil?
  5. Mencione algumas das atividades que os alunos farão no curso.
  6. Porque esse curso é diferente e porque os alunos devem estudar com você.
  7. Termine com uma call-to-action.

Para editar isso na CLP, no criador de curso, encontre o campo em Publique seu curso > Página inicial do curso > Descrição do curso.  Público pretendido  Antes de começar a edição, dedique um momento para pensar sobre seu público de alunos pretendidos. Entender as necessidades e os objetivos deles ajudará você a escrever um texto interessante e atrair os alunos certos para o curso. Nenhum curso é realmente para todos. Use um texto específico e evite frases muito generalizadas. Essa informação vai aparecer na seção Para quem é este curso na página inicial do curso. Responda às seguintes perguntas:

  • Seu curso é para um tipo específico de pessoa com um objetivo específico?
  • Seu público pretendido inclui um nível de aluno (iniciante, intermediário, avançado) e/ou um segmento específico (para empreendedores, desenvolvedores web)?
  • Está claro para quem esse curso é destinado? 

Para editar isso na CLP, no criador de cursos, encontre o campo em Planeje seu curso > Aluno pretendido > Para quem é este curso.

Pronto parar criar seu curso? Vamos lá!

Criar um curso